quinta-feira, 4 de outubro de 2007

MILK-SHAKE DE MENTA



Alguém podia ligar, você pensa. E se pega sendo patético, carente, esquecido, quando na verdade é um tremendo egoísta sem poder suportar a idéia de que as pessoas não vivam para você.
Tudo porque você pensa viver para elas. O amor, conclui, é uma brecha entre dois egoísmos. E ri.
Sua cara de bobo positivo com fortes tendências a crer na vida. E crê, enquanto toma milk-shake de menta numa tarde quente nas mesinhas de xadrez de uma cidade charmosa.
O corpo explode. “Rompendo em Fé”. A imagem de alguém partindo em dois com letreiros luminosos escrito “fé” saindo de dentro.
Fé na vida explode corpos. Fé no amor, no grande acontecimento que é estar junto, toque com toque, na brecha justa.
Eu quero mais milk-shakes de menta, mesmo que eles não supram telefonemas.

28/03/06

4 comentários:

Kadida disse...

Gostei (bastante)!

Telefonema àquela hora, naquele local?

...

Costurada para dentro disse...

A toda hora, em todo lugar, meu amor.

Eloisa pucca te amo muito disse...

poxa queria tanto uma receita de milk shake de menta...
queria tentar fazer...
estou procurando ate eu tentar achar..
bjos

reynan disse...

Quero Um Milk Shake de Menta !