segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Não pega bem prá mulher


(No século XXI, no estado de São Paulo)

Andar do lado de fora da calçada.
Isso priva o brutamontes de exercer seu equivocado senso protetor.
Pagar a conta.
Expõe para o macho alfa que a manutenção da caverna hipotética não depende só dele.
Entender mais do que eles sobre determinados assuntos.
Denota capacidade de avaliar as merdas que eles fazem e, consequentemente, dar-lhes um pé na bunda.
Não casar.
Mulher é propriedade, como assim, uma vaca à solta?!
Cumprimentar os amigos do sexo oposto com um beijo.
Sem-vergonha! Fica se exibindo pros homens das outras.
Gostar de sexo.
Põe em cheque o sonho da fadinha indefesa, que precisa de um mentor para orientá-la sobre o que, por que, por quem e quando sentir.
Falar palavrão.
Destrói o mito da pureza feminina, que produz anjos para sempre delicados e gentis
Sentar de perna aberta.
Uma moça que expõe a genitália assim... já viu, né?
Dar conta de qualquer serviço supostamente masculino.
Só pode ser sapatão.
Ser sapatão.
É porque não achou quem comesse direito. Isso é falta de pica!


2 comentários:

Vanessa F. disse...

Junto a estes, o problema de ter por habito fazer tudo isso "que ñ pega bem"... E ser arrumadinha!... Ah... Pq mulher arrumadinha, soh pode ser futil...

Mariana Forster disse...

Andar do lado de fora da calçada...hahaha....achei que isso era só babaquice da mente machista e possessiva de um ex que era completamente paranóico...rsrs....achava que estava me oferecendo à outros....kkkkkkk